Ações da PJM na pandemia

Em meio a pandemia, atividades da Pastoral Juvenil Marista (PJM) migraram para o meio digital para continuar oferecendo suporte a comunidade

PJM

Lembrança publicada no Facebook da PJM da II Comissão Provincial das Juventudes, eleita em 2012.

 

Mesmo de maneira remota, a Pastoral Juvenil Marista (PJM), organização juvenil das unidades maristas, dá continuidade do legado de Marcelino Champagnat durante o isolamento social. Com esperança e confiança, os jovens estão realizando ações solidárias em vários locais, confira:

Ações PJM pelo Brasil

Em conjunto com a Marista Escola Social Ecológica, de Almirante Tamandaré, a Pastoral está organizando encontros online, o que também tem sido praticado no Colégio Marista do município paulista de Ribeirão Preto e a Marista Escola Social Unidade Ir. Panini, localizada em Guaraqueçaba (PR). Em Brasília, no Colégio Marista, o meio digital foi utilizado para realizar formação dos coordenadores.

Os coordenadores da PJM do Colégio Marista Paranaense de Curitiba, aproveitaram um dos encontros onlines promovidos e trouxeram como proposta da formação o diálogo com os jovens e a descoberta a partir do olhar da mística “Onde os jovens estão?”.

A equipe de Pastoral do Colégio Marista Cascavel (PR) está encaminhando para todos os colaboradores do Colégio um áudio com as cartas de Champagnat. É repassado  um trecho de uma das cartas e uma reflexão sobre a mesma, com a intenção de manter viva a chama da Espiritualidade Marista e a vitalidade da Missão entre os colaboradores. São enviadas duas cartas por semana, sempre as segundas e na quartas-feiras.

Em Criciúma, os jovens da Marista Escola Social Ir. Walmir propuseram uma atividade em que foi submetido um questionário elaborado com a coordenação de PJM para que fossem levantados subsídios para direcionamento das atividades após o período de isolamento. A avaliação será transmitida aos estudantes via Teams e WhatSapp.

No município de Araucária, a mobilização envolveu o Colégio Marista Sagrado Coração de Jesus e a entrega de alimentos na comunidade Portelinha. As doações foram destinadas a 22 famílias da comunidade e contou com a força tarefa entre o pai de um estudante da PJM do 9º ano.

O Colégio Marista Goiânia incluiu a participação da Pastoral nas aulas online, como forma de manter o vínculo, a participação e a socialização de todos por meio de encontros, mesmo que seja a distância, para a evangelização, a formação, a vivência dos valores humanos e Maristas e a promoção do protagonismo juvenil.